História  de Sean Goldman deve virar filme nos Estados Unidos

O projeto foi ressuscitado e Catarina Accioly pode estar muito perto de ter seu primeiro papel no cinema americano .

A atriz brasileira está sendo cotada para viver Bruna Bianchi Carneiro Ribeiro Lins e Silva na produção do Tio Sam.

O filme, “The Goldman child abduction case” mostra o desenrolar do conflito legal envolvendo a guarda de um garoto nascido no ano 2000 em Nova Jérsei (Estados Unidos) filho de mãe

brasileira e pai norte-americano. A batalha judicial teve início em 2004 com a retirada do menino do convívio paterno sem sua autorização e sucessiva manutenção da criança no Brasil com a

família da mãe. O desfecho do caso deu-se em 2009 com resultados positivos ao pai, que passou a ter a guarda do menino. A família brasileira declarou que não desistiu de recorrer para reverter

tal decisão disputa entre os governos dos Estados Unidos e Brasil.

Uma oferta oficial para Catarina ainda não foi feita, no entanto.

Expandindo asas no Brasil

O saçariquento ex-prefeito de Nova Iorque quer ter uma rede de televisão no Arraial de Temer.

Michael Bloomberg sempre consegue o que quer.

“Bloomy” tem “know how” de como mudar legislação.

Os Marinhos devem ter perdido sono.

Hillary 2020

Nos porões de Washington (DC), o assunto é que a democrata Hillary Clinton  ainda sonha com a Casa Branca.

                                                                  Burocracia americana

De acordo com burocratas da Casa Branca, o povo americano gastou 8, 8 bilhões horas preenchendo formulários do governo em 2017.

Burrice é uma epidemia mundial.

É contagiosa.

Pega.

Retirada dos burocratas do Brasil

A foice vai passar pela diplomacia americana no Arraial de Temer.

Donald Trump  deve fechar os consulados de Recife , Rio e São Paulo, e enxugar o quadro pessoal na embaixada na Capital Federal.

Cegonhas desaparecidas

As nova-iorquinas , que praticam sexo como uma forma de prazer pessoal do que um meio reprodutiva , se distanciam cada dia mais das maternidades.

Com a incerteza da economia, as jovens da Ilha do radicl Bill de Blásio g estão adiando os planos de serem mães.

 

O pai das deportações

Trump vai ficar na história como o presidente que mais deportou imigrantes.

Nos dois primeiros anos da sua administração, o marido de Melanie   bateu todos os recordes: mais de um milhão e duzentos mil imigrantes foram deportados pela Casa Branca.

Promessas cumpridas.

Alucinadas

Marina Silva e Sarah Palin têm vários traços em comum: ambas acreditam que podem salvar o planeta.

As duas são casos de psiquiatria, ou até mesmo de segurança pública.

Mudando de canal

Brasileiros precisam aprender que o mundo é uma aldeia global, principalmente no mundo da media social .

Dois executivos brasileiros estavam conversando sobre o futuro da apresentadora Fátima Bernades durante um jantar no Le Bilboquet

(20 East 60 st Street, New York,NY )

De acordo com a conversa, a jornalista deve aterrissar no terreiro ( leia-se TV RECORD ) do Bispo Edir Macedo.

Le Bilboquet é o melhor restaurante francés da Ilha do Radical Bill de Blásio.

Volta ao mundo no vazio

Mesmo com um elenco de primeira linha ( Diane Keaton, Candice Bergen, Jane Fonda e Mary Steenburgen),  o filme  Book Club 360 não convence.  O script é uma série de piadas cansadas,

disfarçadas de relidade.  Quatro mulheres inteligentes, engraçadas e rigorosamente independentes, representadas por grandes atrizes, não  preenchem o vazio  do roteiro : elas não conseguem

encontrar a  verdadeira felicidade sem um homem.  Sério? Em 2018? Século XXI?    A mulher  moderna  não  quer   encontrar uma alma gêmea em qualquer idade. Mas o  fime tenta  vender as

fantasias de Cinderela que aconteceram no século passado.  A mensagem é difícil engolir .  E nem essas quatro atrizes maravilhosas  compram essa ideia, e nem você deveria.


 

 

 

Print Friendly, PDF & Email